Investir em precatórios é uma alternativa para diversificar a carteira de investimentos e rentabilizar mais do que a maioria das opções da renda fixa, sem se expor ao sobe e desce da renda variável.

Mas como investir em precatórios? 

Esse tipo de operação é baseado na compra e venda de precatórios. 

Quando uma pessoa física ou empresa vence uma ação judicial contra um órgão público municipal, estadual ou federal que envolva pagamento de valores em dinheiro e, depois que essa ação passou pelas três instâncias jurídicas, o precatório é emitido. 

Trata-se de uma ordem judicial de pagamento, um documento que garante que aquele determinado valor será pago ao credor. 

O problema, na maioria dos casos, é a demora para que o pagamento seja de fato realizado. Há estados em que a fila de espera para receber o precatório ultrapassa os 15 anos. 

É por isso que muitas pessoas optam por vender o título por um valor abaixo do acordado, e é aí que entram as pessoas interessadas em investir em precatórios. 

Vamos imaginar que uma pessoa tenha um precatório no valor de R$100 mil para receber em 5 anos e decide vendê-lo para receber o valor antecipadamente. O interessado oferece R$80 mil, e o negócio é fechado. 

Após a cessão de crédito o precatório passa oficialmente para o nome do comprador. Isso quer dizer que, a partir desse momento, é para ele que o estado pagará o valor de R$100 mil. 

A rentabilidade vem justamente desse deságio, ou desconto, com o qual ele adquiriu o título: pagando R$80 mil, o comprador adquiriu um precatório no valor de R$100 mil – uma taxa bruta de retorno de 25%.  

Mas como, de fato, investir em precatórios através desse processo? 

É possível, obviamente, realizar todo esse processo diretamente com o dono do precatório, mas há maneiras muito mais seguras de investir nesse tipo de título. 

Hoje em dia há no mercado diversas empresas especializadas no processo de compra de precatórios e plataformas que conectam investidores interessados em comprar porcentagens desses títulos.  

Esse tipo de intermediador, em geral, realiza todo um processo de diligência prévia para garantir que não há impedimentos tanto do lado de quem está vendendo quanto de quem tem interesse em investir em precatórios através da compra do título.