A matéria “Ставка на золото”, realizada pelo site de notícias russo Kommersant, conta como os investidores da Rússia tentam se defendem da recessão global e do aumento da inflação em seu país através dos ativos alternativos.

A pandemia do coronavírus aumentou a popularidade dos investimentos em ouro. Em meio à iminente recessão global e ao aumento da inflação, os investidores internacionais estão defendendo suas economias através de investimentos em ativos alternativos.

Portanto, os bancos russos começaram a oferecer aos seus clientes investimentos em fundos que investem no metal como uma possível proteção contra o enfraquecimento do rublo, moeda russa.

Na primavera, o preço do ouro no mercado mundial, após um intervalo de sete anos, subiu consideravelmente. Segundo a Reuters, em 18 de maio, o preço do metal nobre atingiu US$ 1.763,15 por uma onça troy (31,1035 gramas) , o maior preço desde 27 de novembro de 2012.

A Rússia passou a ser o maior comprador de ouro da atualidade, segundo um relatório do World Gold Council, que monitora as compras do metal feitas pelas maiores potências do mundo com base nos dados fornecidos por seus respectivos bancos centrais.

Mas não são somente os investidores russos que estão de olho no ouro. O motivo que teria levado o presidente russo Vladimir Putin a também investir tanto em ouro, seria o consenso de que o tesouro russo estaria diversificando os seus investimentos, numa tentativa de desatrelá-lo do dólar norte-americano.

 

 

O aumento nos investimentos russos em ouro

O aumento quase contínuo no valor deste ativo alternativo já dura um ano e meio e, durante esse período, o metal se valorizou mais de 45%. E se levarmos em conta somente a valorização de 2020, o percentual  de crescimento foi de 16%.

A principal força motriz por trás dos preços no mercado de metais preciosos, como em 2019, continua sendo a preocupação com as perspectivas para a economia global.

A única preocupação no mercado não é mais a guerra comercial entre os Estados Unidos e a China, que foi resolvida com sucesso em janeiro, mas as consequências da pandemia do coronavírus.

Devido à alta disseminação do vírus, as autoridades de muitos países, assim como as grandes empresas, foram forçadas a tomar medidas em larga escala para impedir sua disseminação, o que levou a consequências negativas para a economia.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê uma queda da economia global de 3% neste ano. Esta queda seria muito mais forte que a de 2009 (-0,08%).

Nesses momentos, os investidores tradicionalmente usam ativos alternativos como os metais preciosos, sendo o ouro um dos melhores ativos defensivos em tempos de instabilidade e crise. Ao contrário das moedas.

 

Medidas Internacionais

O Federal Reserve dos EUA reduziu a taxa básica para zero e também retomou a recompra de ativos em larga escala. Programas de flexibilização também foram anunciados pelo Banco Central Europeu, pelo Banco do Japão e por outros reguladores.

O governo alemão aprovou empréstimos para empresas no valor de 10% do seu PIB. Segundo Grigory Babajanyan, CEO da VTB Capital Investment, devido a “impressão” de dinheiro pelos bancos centrais mundiais, o ouro está se tornando uma ferramenta universal para preservar as economias.

“Em muitos países desenvolvidos, taxas reais negativas são observadas. Portanto, o ouro se tornou uma ferramenta para manter o valor do capital dos investidores com um custo de oportunidade mínimo”.

O interesse dos investidores em ouro

O alto interesse dos investidores internacionais em ouro é evidenciado pelo último relatório do World Gold Council (WGC). Segundo o WGC, durante três meses, a demanda total de investimento por ouro foi de 540 toneladas, 80% superior ao valor registrado no mesmo período de 2019.

Todo o aumento foi devido aos fundos negociados em bolsa, que aumentaram os investimentos em ouro em um recorde de 300 toneladas, elevando o volume de reservas para 3,18 mil toneladas – o valor máximo da história.

Os investidores russos não se afastaram da tendência global e também compraram ouro. Ao mesmo tempo, a aquisição de fundos de investimentos focados em metais preciosos é a maneira mais conveniente de fazer esses investimentos, porque você pode comprá-los online com apenas alguns cliques.

 

Para ler a matéria na íntegra, acesse:

https://www.kommersant.ru/doc/4356226