Você tem R$10 mil e quer investir, mas não sabe qual opção existente no mercado é a mais adequada.

Acredite, milhões de brasileiros têm a mesma dúvida.

Há poucos anos era fácil decidir porque a taxa básica de juros era muito alta. Qualquer investimento de renda fixa proporcionava retorno em torno de 14% ao mês ou mais, dependendo da época considerada. Em um cenário de inflação controlada, a renda fixa era vista como a galinha dos ovos de ouro.

Mas esse tempo passou. Hoje a taxa básica de juros está em 2,75% ao ano e os produtos de renda fixa existentes no mercado rendem o mesmo percentual ou pouca coisa a mais.

Renda fixa e renda variável

A finalidade desses investimentos nos dias de hoje é guardar o dinheiro protegendo-o da inflação para poder usar a qualquer momento em caso de emergência, sem que isso custe o pagamento de altas taxas. A opção para ter rentabilidade maior seria a renda variável como ações em Bolsa, por exemplo. Mas o risco é alto. 

Pode-se ganhar muito em pouco tempo, mas também pode-se perder muito. Se você tem perfil conservador, investir em ações pode não ser uma experiência muito boa por causa dessa volatilidade.

Invista seu dinheiro em ativos reais

A sugestão é que os R$10 mil disponíveis sejam investidos em ativos reais, também conhecidos como ativos alternativos. Essa modalidade ainda é pouco conhecida da maioria dos brasileiros. Mas é muito procurada no exterior porque ela proporciona rendimentos bem maiores do que os produtos de renda fixa. E o risco é bem mais baixo do que os papéis de renda variável disponibilizados pelo mercado financeiro tradicional.

Quando você opta pelos ativos alternativos você está investindo na economia real. Na construção de um empreendimento como um conjunto residencial, um shopping, no talento de algum músico, em uma obra de arte ou mesmo nos direitos creditórios de uma empresa.

Exemplo de boa rentabilidade

É possível obter investimentos que variam de 10% a 30% ao ano. Por exemplo, se você investir em precatórios do Estado de São Paulo, cuja rodada está em andamento até o dia 14 de abril de 2021, poderá obter 18,5% ao ano de rentabilidade. E é um ativo que permite investir a partir de R$10 mil.

Mas outros ativos disponíveis. Para saber mais a respeito entre em contato com a Hurst, primeira plataforma especializada em investimentos alternativos do Brasil.